Redes sociais mais usadas em Portugal

Artigo publicado no dia: 3 Janeiro 2018
Categoria: Gestão de Redes | Autor: Pedro Rosa

Quando estamos numa reunião, uma das perguntas mais comuns é “Então mas esta sala não tem um cabo de HDMI?” Muitas das vezes não, e por isso temos de usar aqueles adaptadores manhosos. Outra pergunta recorrente é “Quais são as redes sociais mais usadas em Portugal?” Claro que todos sabemos que o Facebook é a rede mais usada em Portugal e de um modo geral todos temos a noção de que as outras redes mais usadas serão o Linkedin, o Instagram, o Twitter e o Youtube. Penso que aqui a questão não é tanto quais são as redes sociais mais usadas, mas sim qual o número de utilizadores de cada rede social em Portugal, e que pessoas usam cada uma das redes.

Com esta ideia em mente, tentámos descobrir essa informação potencialmente dramática. O nosso racional foi simples: vamos usar as estimativas de audiências na plataforma de anúncios em cada uma destas redes para tentarmos chegar a uma aproximação do número de utilizadores. Sim, eu sei que não é um estudo todo janota da Marketest, mas é fixe na mesma.

Notas finais antes de começarem a ver os gráficos. Só conseguimos retirar dados do Facebook, Twitter, Linkedin e Instagram. A plataforma de anúncios do Youtube (adwords) não nos permite obter a informação do número de utilizadores, ou pelo menos não encontrámos… Se alguém souber mais do que nós, é deixar-nos um comentário. Os dados que retirámos do Twitter são apenas estimados, pois a plataforma não permite perceber com exatidão o número de utilizadores em Portugal. Agora não digam que isto é fake news.

 

Total de utilizadores activos mensais

O Facebook mantém o domínio em termos de utilizadores activos, com 6.200.000 utilizadores em Portugal. Algo bastante interessante foi o aumento significativo de utilizadores do Instagram que em pouco mais de um ano aumentou mais de 1 milhão de utilizadores em Portugal, superando o número actual de utilizadores do Linkedin. O Twitter, como era de esperar, é das redes com menos utilizadores activos.

 

Dispersão de género

Em termos etários verificamos que a diferenciação entre as várias redes é mínima mantendo-se todas com uma distribuição de géneros bastante equilibrada.

 

Dispersão etária Facebook

O Facebook em termos etários apresenta uma distribuição bastante equilibrada. Os escalões de 18-24, 25-34, 35-44 e 45-54 têm um peso relativo similar com variações entre 16% e 23%. O Facebook é também em rede onde conseguimos encontrar uma maior percentagem de utilizadores com mais de 65 anos. O grupo com menor expressão no Facebook são os utilizadores com menos de 18 anos.

 

Dispersão etária Instagram

O Instagram apresenta uma estrutura etária semelhante ao Facebook mas com um peso muito mais significativo de utilizadores entre os 18 e os 24 aqui com 29% em relação ao Facebook onde os mesmo têm 18%. Este grupo somado com o grupo de 25 a 34 anos têm um peso combinado de mais de 50% da comunidade.

 

Dispersão etária Linkedin

O Linkedin não tem utilizadores com menos de 18 anos. É a rede social onde a percentagem de utilizadores com idades compreendidas entre os 25 e os 34 é maior ( 38% ) apesar de, em termos absolutos, o número de utilizadores deste escalão ser superior no Facebook.

 

Dispersão etária Twitter

O Twiiter é sem duvida destas 3 redes a com menor utilização, no entanto apresenta um detalhe que nos apanhou a todos de surpresa. É a rede com maior percentagem de utilizadores com menos de 18 anos. Sim, verificamos os dados 2 vezes. Existe uma grande numero de jovens com menos de 18 anos no Twitter. Já tinhamos ouvido que a nova onda de youtuber portuguesa usa muito o Twitter mas dai a até apresentar um % de 22% dos utilizadores, nunca imaginámos. O que eles andam a fazer lá não sabemos bem, mas prometemos investigar em partilhar com vocês em publicações futuras ;).

 

Se quiseres estar a par das novidades do mundo do marketing digital e redes sociais, subscreve o nosso Auto-Rádio.

Newsletter:

Subscreve para receber os melhores artigos do mês:

1 Comentário

  1. joana rita diz:

    obrigada por este momento de “serviço público”, com gráficos catitas e tudo o mais.

    curiosamente, o twitter é a segunda rede mencionada pelos portugueses, quando lhes perguntam “que redes sociais conhece?”. portanto, é uma rede (re)conhecida.

    há um estudo recente da FFMS que poderá ser interessante para cruzar com este.

    (fonte: marktest, 2014)

Deixa o teu comentário:

Responde a este comentário

Subscreve a nossa newsletter